Coordenador Regional do Planorte Leite faz uso da Tribuna Livre na Câmara de Vereadores de Canoinhas

por Assessoria de Imprensa última modificação 10/12/2019 14h19

Coordenador Regional do Planorte Leite faz uso da Tribuna Livre na Câmara de Vereadores de Canoinhas 

90% do leite produzido na região de Canoinhas vão para indústrias de fora, nossa região produz hoje, segundo o próprio Ministério da Agricultura, um dos três melhores leites do Estado. Por isso a indústria vem buscar o leite aqui e leva para tão longe

Na Sessão Ordinária de segunda-feira (9), esteve presente e falando para os vereadores, comunidade e internautas o coordenador do projeto Planorte Leite, Engenheiro Agrônomo Waldemiro Sudoski EPAGRI de Canoinhas.

Waldomiro falou que foi criado em 2014 o Planorte Leite, no início do programa eram produzidos 240 mil litros de leite por dia. Explanou sobre os estudos, mostrou a viabilidade dessa agroindústria, iniciamos com trinta produtores, desse grupo saiu um segundo grupo que está à frente das negociações com aproximadamente dez produtores sendo eles de Major Vieira, Bela Vista do Toldo, Irineópolis, Monte Castelo e Canoinhas.

Uma série de reuniões esse grupo vem coordenando em todos os municípios da Amplanorte. “Iniciamos com um grupo muito grande e não avançamos nas conversas, esse grupo menor negociador/coordenador está fazendo pequenas reuniões e estamos evoluindo no processo, acredito que acertamos agora”, pontuou Waldomiro.

Hoje a Cooperleite de Monte Castelo estaria sendo a mais cotada, tem vinte e nove sócios, não tem dívidas e precisamos de um cnpj bom, analisamos e percebemos que é a mais aproximada do que os agricultores precisam, não significa que ela vai ser instalada no município, pontuou.

 Produtos:

 epagri_lacteos.jpg

 

Waldemiro Sudoski, finalizou dizendo que é essencial trabalharmos com três alicerces/desafios, um quadro social atuante, você (se referindo ao agricultor), não vai ser entregador de leite e sim dono de um negócio;
Compor o conselho admiração e fiscal, com pessoa técnica;
Contratar um excelente gestor para gerenciar isso essa cooperativa, ficar à frente disso tudo, um profissional que vai trazer retorno.
Vereador Wilmar Sudoski, definiu que, “se esse projeto errar, dificilmente tão cedo teremos uma iniciativa desse porte”.

Sede da indústria: Estão na disputa para sediar a agroindústria os Municípios de Canoinhas, Monte Castelo e Papanduva. Todos apresentaram áreas para a instalação, mas foram solicitados 14 itens como instalação de água e luz e terraplanagem. Papanduva foi praticamente descartada por oferecer apenas oito destes itens. Canoinhas e Monte Castelo assumiram compromisso com os 14 pedidos. “Não há nada definido. A consultoria deve indicar o melhor local, mas Canoinhas sai em vantagem porque apresentou uma área que já é da prefeitura, Monte Castelo teria de desapropriar. Canoinhas se favorece no ponto da logística, por estar mais bem localizada que Monte Castelo”, explica Sudoski.

 

Informações para imprensa:
Joselito Beluk – Assessoria de Comunicação Câmara de Vereadores
Fone: (47) 3622-3396 / Whatsapp (47) 9-9986-6199
E-mail: imprensa@canoinhas.sc.leg.br
Nosso site: http://www.canoinhas.sc.leg.br
Facebook: https://www.facebook.com/camaracanoinhas/
Instagram: @camaracanoinhas

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.